fbpx

Sem dúvida, a Internet mudou completamente a forma como consumimos e temos contato com produtos e processos de compra. Por exemplo, se fossemos descrever a jornada do consumidor até o ato da compra há vinte anos atrás, o primeiro ponto percebido seria que o vendedor só teria contato com o consumidor quando ele viesse até a loja.

Desse modo, esse era o momento em que o vendedor tinha a oportunidade de vender o seu produto, apontar as qualidades e usar todos os seus argumentos para negociar com o cliente.

Todavia, atualmente com o Inbound Marketing, os negócios já conseguem acompanhar toda a jornada de compra do consumidor antes mesmo de concluir a venda.

Confira no artigo tudo o que você precisa saber sobre jornada do consumidor e a sua relação com o Inbound Marketing!

O que é jornada do consumidor?

Todo potencial cliente percorre um caminho antes de realizar uma compra. Essas etapas pelas quais os consumidores passam é conhecida como jornada do consumidor ou buyer’s journey.

A jornada do consumidor pode ser dividida em quatro estágios principais: aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração da solução e decisão de compra.

Mas o que acontece em cada um deles? Continue a leitura!

Etapas da jornada do consumidor

Aprendizado e descoberta

De fato, no início da jornada, o consumidor ainda não identificou que tem um problema ou necessidade.

Ou seja, aos poucos, esse comprador passa a despertar o interesse para certos temas.

Nesse sentido, as empresas agem para capturar a atenção desses potenciais clientes, fazendo com que eles percebam os seus problemas e reconheçam uma oportunidade de negócio.

Reconhecimento do problema

Em uma segunda etapa, o comprador já teve a experiência de conhecer e se aprofundar um pouco mais no tema.

Então, o próximo passo é naturalmente perceber que tem um problema ou oportunidade.

Por isso, nessa fase, é importante mostrar para o consumidor que ele lida com um problema que antes não sabia.

Dessa forma, com a questão já reconhecida, o usuário começa a pesquisar mais sobre possíveis soluções.  

Consideração da solução

Na sequência, temos a consideração da solução, que é a terceira etapa da jornada do consumidor.

Depois de estudar e mapear diversas soluções encontradas, é o momento de análise de cada uma delas por parte do comprador.

Assim, nesse estágio, é preciso que o potencial cliente identifique o produto ou serviço da sua marca como uma alternativa para resolver o problema dele.

Aliás, uma estratégia interessante para adotar é criar senso de urgência, a fim de que o consumidor já avance no processo.

Decisão de compra

Por fim, mais uma análise total é realizada pelo consumidor, que finalmente toma a decisão de compra.

Sendo assim, nada melhor do que apresentar os diferenciais da sua marca em relação aos concorrentes, além de convencê-lo de que a entrega é a escolha ideal.

Veja mais em: Funil de vendas: o que é, para que serve e como defini-lo?

Como adequar a sua marca para essa jornada de compra?

Dada essa nova realidade, as marcas precisam influenciar o consumidor antes da decisão de compra, se adequando a sua nova jornada.

Mas como gerar conteúdo relevante e de acordo com os hábitos de consumo de seu público-alvo? Listamos algumas dicas a seguir para te ajudar a montar essa estratégia. Confira!

Dica 1: Saiba onde seu consumidor busca por informação

Mapeie as fontes de informações utilizadas pelo seu consumidor.

Você pode fazer isso por meio de sites e blogs com melhor posicionamento no Google que falam sobre seu produto.

Além disso, a partir de vídeos com maior números de views de influenciadores com grande relevância. Nesses canais, fique sempre atento aos comentários das publicações. Neles, estão as dúvidas e percepções de seus consumidores, então você pode tirar desses comentários ideias de conteúdos que a sua marca pode produzir.

Dica 2: Entenda como ele pesquisa por seu produto ou serviço

Para atingir o público certo, o seu conteúdo deve utilizar as palavras-chave corretas – ou seja, termos que definem o seu texto e que o usuário pode buscar pelo Google para achar o seu material.  

Antes de produzir um conteúdo, identifique quais palavras o seu cliente costuma utilizar para pesquisar pelo seu produto ou serviço.

Aqui na E-Dialog, quando elaboramos textos utilizamos algumas ferramentas para fazer esse mapeamento de palavras-chave, como o Keyword planner e o SEMRush.

Dica 3: Identifique a persona do seu consumidor e trace as suas estratégias para ela

As personas são personagens fictícios criados para representar as características comuns dos clientes identificados como ideais pela empresa.

Dessa forma, a criação de uma ou mais personas tem como objetivo conhecer melhor para quem são direcionadas as mensagens criadas na estratégia de comunicação digital de uma marca.

Dica 4: Faça testes! Só assim você vai saber quais conteúdos engajam mais o seu consumidor

Como diz o ditado popular: o feito é melhor que perfeito.

Você só vai conseguir identificar se as suas estratégias estão dando certo quando começar a testá-las.

Ao longo do tempo, de acordo com os resultados obtidos, você vai entender quais conteúdos geram mais interações e quais os melhores canais para divulgá-los.

Com esses dados, é só começar a ajustar e otimizar as estratégias traçadas.

Inbound Marketing

Em resumo, o Inbound Marketing – também conhecido como Marketing de Atração -, é focado no conteúdo. Seja por meio de blogs, podcasts, vídeos, ebooks, newsletters, entre outros formatos.

Ademais, quando você sabe para quem a sua empresa está falando (persona) e qual é o interesse desse público, a sua venda fica muito mais simples de ser executada.

Além disso, você consegue enxergar outras necessidades, como inserir nesses conteúdos as CTAs (call to action) para gerar leads e pontuá-los, de acordo com as suas classificações nos estágios dentro do seu funil de vendas.

Viu só como usar e abusar das estratégias do Inbound Marketing pode ser uma ótima aposta?

Leia também: Estratégias de marketing digital: conheça os principais tipos

O que você achou do artigo? No blog da E-Dialog, você confere outras estratégias de vendas e muitos artigos sobre Marketing Digital. Fique de olho nas novidades!

Autora do texto

Texto escrito por Ana Caroline Freitas, Analista CS/Planner  na E-Dialog

Carol é Publicitária, tem 29 anos. Seu gosto peculiar por comidas sempre gera discussões na agência, é totalmente favorável a uva passas em qualquer prato e defende com unhas e dentes que Caribe é o melhor bombom da caixa.

Quer se aprofundar em Marketing