(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

O Inbound Marketing se lançou no mercado como uma alternativa de baixo custo em relação ao marketing digital tradicional. Com o Inbound Marketing  é possível apostar em estratégias novas, flexíveis, mensuráveis e mais eficazes para atrair e converter clientes.

Quando uma empresa começa a investir em Inbound Marketing é necessário prestar atenção em alguns detalhes para que erros não aconteçam. No impulso de ver o projeto em andamento e os leads convertendo, algumas coisas podem ficar pra trás e comprometer todo o resultado, prejudicando a credibilidade do seu trabalho.  Confira uma lista com 5 erros que você deve evitar: 

#1: Começar sem objetivos definidos:  É muito comum vermos várias empresas investindo em estratégias e plataformas sem objetivos claros e definidos.  Muitas vezes o foco principal é aumentar as vendas sem pensar exatamente como isso pode acontecer. Todo projeto necessita de planejamento, e com o Inbound Marketing não é diferente. É necessário definir personas, metas de venda, metas de crescimento, produtos e serviços. Lembrando que o Inbound Marketing é algo que gera resultados a médio e longo prazo e as metas têm que estar dentro desse parâmetro para serem cumpridas. 

#2: Acreditar que o Inbound Marketing vai resolver todos os problemas: Cada empresa tem um público-alvo e uma ação indicada para conquistar os seus objetivos.  O Inbound Marketing vai auxiliar sua empresa a conquistar seus objetivos, mas ela não é a única estratégia que você precisa usar. Uma comunicação e marketing eficientes e integradores usarão outras fontes como assessoria de imprensa, mídias sociais, publicidades e anúncios para complementar as estratégias do Inbound.

#3: Publicar conteúdo sem regularidade e não aplicar SEO: Para o Inbound Marketing é fundamental aplicar o SEO. É o SEO que fará o seu conteúdo ser reconhecido e encontrado e, depois se tornar mensurável na hora de analisar os resultados. O Rd Station é uma ótima plataforma para o seu projeto de Inbound Marketing. Ela é bem autoexplicativa  e auxila no passo-a-passo do seu projeto para te ajudar a conquistar metas. Além do SEO, o conteúdo é muito importante; não só a qualidade, mas a frequência com que ele é postado. O Google por exemplo, usa essa frequência para rankear a qualidade do seu site e mostrá-lo na busca orgânica.

#4: Não produzir conteúdo rico para sua segmentação: É importante entender que persona é diferente de público-alvo, enquanto a persona leva em conta características físicas e psicológicas o público-alvo não se segmenta com essas informações.  Depois de definir o público-alvo é necessário criar conteúdo rico e relevante para essa segmentação. Não adianta produzir conteúdos genéricos demais ou muito institucional que só fala da sua marca ou dos seus produtos. Pense em conteúdos criativos, inéditos e que prendam a atenção do leitor, como listas, e-books, planilhas ou seja, algo que ele possa colocar em prática e ser útil no seu dia-a-dia.

#5: Não envolver a área de vendas desde o início: Segundo a consultoria SiriusDecisions, 98% dos leads gerados pela área de marketing não são convertidos em clientes pela área de vendas. Mediante esses dados é importante  que essas duas áreas conversem e trabalhem juntas dentro da empresa para que o trabalho seja realizado com sucesso.

Para ler outros textos sobre Inbound Marketing:

– Como usar Inbound Marketing na sua empresa? 

-4 dicas para melhorar o resultado no Inbound Marketing

-O que é Inbound Marketing?