(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

No Marketing Digital existem diversas maneiras de gerar tráfego para o site. Há uma vasta gama de canais e meios para o público encontrar as suas páginas e acessá-las, sejam esses meios gratuitos, sejam pagos.

A grande vantagem disso é de poder diversificar as fontes e não depender apenas de um único canal para trazer visitantes para seu site.

Com objetivo de ampliar os seus horizontes acerca do assunto, apresentaremos os tipos de tráfego existentes e algumas dicas práticas para gerá-los. Dividimos aqui em tráfego orgânico, social, referência, pago e direto. A seguir, vamos falar melhor sobre cada um deles.

Tráfego orgânico

Esta é considerada uma das mais importantes origens de tráfego, sendo ela representada pelas visitas oriundas da página de resultados de busca (SERP ou Search Engine Results Page).

Dentre as razões de sua importância está o fator ROI (Return on Investment, ou retorno sobre o investimento), pois como não se tratam de anúncios, o tráfego orgânico não gera custos.

Fora isso, o tráfego orgânico indica o quanto seu site está alinhado aos critérios, regras e recomendações do Google. Se o tráfego orgânico está em alta, isso significa que o buscador está reconhecendo a relevância da sua página!

Quer saber como melhorar nesse aspecto? Confira abaixo, algumas dicas essenciais para gerar tráfego orgânico em seu site.

Fazer pesquisa de palavras-chave

Pesquisar as palavras-chave significa obter, por meio de ferramentas específicas, a relação dos melhores termos com base no que e como o seu público-alvo procura.

Em complemento a isso, é fundamental fazer um estudo profundo e sério sobre o perfil do cliente, de modo a compreender suas necessidades, dúvidas, conflitos e comportamento.

Existem ferramentas (gratuitas, inclusive) bastante úteis ao processo de pesquisa, como, por exemplo, o Planejador de Palavras-chave do Google.

Usar técnicas de SEO

SEO (Search Engine Optimization, ou otimização para os mecanismos de busca) é um conjunto de técnicas e estratégias orientadas aos motores de busca, como os populares: Google e Bing.

Essas técnicas consistem na otimização dos elementos estruturais da página — o código fonte, precisamente —, sempre se baseando nos critérios e regras do algoritmo do Google.

Com base na necessidade dos buscadores de oferecer aos usuários o que há de melhor em termos de experiência nas pesquisas, os sites considerados “amigáveis aos indexadores” são aqueles que:

  • fornecem conteúdos autênticos e relevantes;
  • possuem o design adequado para todas as telas;
  • publicam artigos bem impressos para leitura;
  • facilitam a indexação das páginas por meio das técnicas de SEO.

Não deixe de seguir as nossas dicas de SEO atualizadas, essenciais para melhorar o desempenho do site sem cair na lista negra.

Há muitas técnicas de SEO que você pode utilizar para melhorar as posições de suas páginas e isso é assunto para outro post. Se quiser começar, sugerimos a leitura do eBook O Guia Completo do SEO.

Tráfego social

O termo “social” já nos dá boas pistas da característica desse tráfego, não é? Sim, o tráfego social se refere às visitas provenientes das redes sociais.

Quanto a isso não há segredo: as estratégias de Marketing Digital voltadas para as mídias sociais servem tanto para engajar o público, quanto para gerar tráfego no site oficial — esse é o grande foco estratégico.

Veja algumas dicas para aumentar o tráfego social em seu site.

Criar páginas nas redes sociais em que seu público está

Lembra-se do que falamos sobre estudar o público-alvo?

Com base no seu conhecimento acerca dos potenciais clientes, é imprescindível identificar qual a rede social em que ele se encontra e acessa frequentemente.

Se a maior parte se concentra no Facebook e Instagram, por exemplo, são esses os canais que a sua empresa deverá explorar, começando pela criação de uma página oficial.

Compartilhar conteúdos com sua audiência

Ao criar os perfis sociais da empresa, a dica é usar a rede como ferramenta de divulgação dos conteúdos postados no blog. Uma visão interessante é pensar nesses canais não como um fim, mas o meio de ativação para o seu endereço próprio. Portanto, todos os posts que entram no ar devem ser compartilhados com os seus seguidores.

Além disso, pensar nas redes sociais como canal de ativação é imprescindível porque é comum vermos marcas com a visão de que uma página no Facebook se basta. É importante lembrar-se de que nenhum perfil ou página em rede social é totalmente propriedade de uma marca. Isso ocorre porque qualquer empresa estará sujeita à mudanças externas que fogem totalmente do controle dela. Em contrapartida, quando a empresa é dona de um site, ela não sofre tanto com mudanças bruscas nas regras que podem vir a prejudicar a estratégia digital da marca. Por isso, variar as redes e possuir canais de domínios próprios como blog ou site garante que você tenha mais segurança.

Incentivar a audiência a compartilhar seu conteúdo

O compartilhamento de conteúdos é algo a se incentivar sempre, pois esse é o recurso mais eficiente para disseminar a publicação, fazendo com que ela chegue às pessoas certas de maneira natural.

Fazer chamadas para ação (call-to-action, ou CTA) é uma eficiente estratégia para incentivar o público a compartilhar conteúdos, bem como redirecioná-lo ao site oficial ou blog.

Tráfego de referência

O tráfego de referência é representado pelas visitas geradas a partir de outros sites, seja por meio de indicações, seja por referência em conteúdo.

Além das visitas geradas, outra vantagem do tráfego de referência é o crescimento da autoridade do site dentro dos critérios do Google, melhorando o seu posicionamento no ranking e, consequentemente, gerando mais tráfego orgânico.

No entanto, para que a autoridade cresça, é necessário haver convergência de público-alvo entre ambas as partes, ou seja, a audiência deve ter seus pontos em comum.

Escrever guest posts

Guest posts são publicações produzidas por autores convidados — um influenciador, uma referência no nicho ou representante de outro site com interesse mútuo.

Essa é uma estratégia eficaz para atrair novos visitantes, aproveitando a audiência que o canal parceiro já possui.

Escrever conteúdo de qualidade que será referenciado por outros canais

Alguns conteúdos que podem trazer visitas de outros sites são infográficos, estudos e pesquisas, ou seja, publicações que servirão como fonte para que outros autores sustentem suas afirmações.

Considere, também, que conteúdos desses tipos são altamente propícios à viralização, por despertarem curiosidade no público em geral.

Tráfego pago

O tráfego pago é aquele gerado a partir de campanhas de publicidade (links patrocinados), ou seja, a criação e divulgação de anúncios na internet.

No Google, por exemplo, os anúncios são exibidos em espaços privilegiados dos resultados de pesquisa, rede de display, aplicativos e vídeos.

Duas dicas importantes para trabalhar com links patrocinados:

Testar canais de tráfego pago para identificar quais trazem melhor ROI

Não há como apontarmos o melhor canal de tráfego pago para o seu negócio, afinal, devido aos diferentes perfis de público-alvo, isso varia de uma empresa para outra.

Por isso é importante testar os canais para identificar qual deles traz o melhor retorno.

Avaliar as principais ferramentas de publicidade online

Google AdWords, Facebook Ads, Instagram Ads, Linkedin Ads e Native Ads são as principais ferramentas de publicidade online que você encontrará.

Cada uma delas é adequada para canais específicos, portanto, essa avaliação deve ser realizada após a seleção dos canais mais rentáveis.

Tráfego direto

O tráfego direto, por sua vez, consiste no ato mais simples que conhecemos: digitar o endereço do site no navegador e acessá-lo diretamente, sem intermédio de outro canal.

Quando um site conquista certa popularidade a ponto de cair no gosto do público, desde que o nome seja descomplicado, a tendência é que os visitantes digitem o endereço no navegador em vez de pesquisar no Google ou que adicionem o link aos favoritos.

O que fazer para construir tamanha autoridade? Além de fornecer conteúdos de qualidade e ótima experiência ao usuário, é importante ter nas estratégias de Marketing Digital a inclusão do site em todos os canais e mídias, como perfis sociais, cartões de visitas, flyers e assinatura de email.

Dica Bônus! 

Você pode ativar campanhas mensais ou quinzenais, por exemplo, de e-mails para uma base de leads selecionada. Dessa forma, como ação de relacionamento, enviar periodicamente textos interessantes do seu blog. Veja mais dicas de campanha aqui.

Gostou do post? Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma informação ou experiência? Deixe um comentário aqui!