fbpx
Marketing de conteúdo.

O marketing de conteúdo é uma estratégia da área de marketing digital com o intuito de aumentar a rede de clientes e de leads (potenciais consumidores) através da criação de conteúdo considerado relevante. 

Normalmente envolvendo e potencializando valores para pessoas com o intuito de  criar uma percepção positiva da sua marca e consequentemente  gerar mais negócios. Este conceito é relativamente novo e vem se espalhando e popularizando entre as empresas e organizações do Brasil.

A partir disso, o texto a seguir tem o intuito de justificar o motivo pelo qual o marketing de conteúdo está se tornando tão importante, procurando mostrar as formas de colocar essa estratégia em prática.

 

 O que caracteriza o marketing de conteúdo?

O marketing de conteúdo, é caracterizado por formas de atrair o interesse e a atenção das pessoas enquanto elas estão vagando pela internet. Isso permite que os consumidores criem um envolvimento com uma determinada marca, gerando valor ao redor dela.

Isso acontece porque o conteúdo criado e compartilhado pelas empresas é capaz de suprir necessidades dos consumidores. Ou seja, uma organização que trabalha com gravação a laser em vidro, por exemplo, ao explicar para o espectador a melhor forma de escolher uma empresa de gravação de qualidade, irá conquistar a confiança do consumidor, já que o conteúdo tirou uma dúvida potencial que essa pessoa poderia vir a ter.

Ações como essa são eficientes para que uma empresa consiga fidelizar um cliente a sua marca, permitindo que no futuro, volte a consumir produtos ou serviços dessa mesma empresa.

Além disso, vale a pena citar que o marketing de conteúdo pode ser realizado através de diversas plataformas digitais (blogs, redes e canais sociais) e trabalhando com tipos diferentes  de conteúdos, como:

  • Textos;
  • Artigos;
  • Infográficos;
  • Podcasts;
  • Vídeos;
  • Imagens;
  • Entre outros.

 

Como elaborar uma estratégia de conteúdo

Contudo, a elaboração de uma estratégia de marketing de conteúdo não consiste simplesmente na publicação aleatória de conteúdos. Assim como todos os setores da área de marketing digital, o marketing de conteúdo está quase que inteiramente pautado na criação de uma estratégia bem estruturada e organizada capaz de gerar resultados realmente benéficos para as empresas.

Portanto, as estratégias de marketing de conteúdo podem ser divididas em três etapas principais: o planejamento, a execução e a mensuração.

 

 1) O planejamento

Antes da criação de qualquer tipo de conteúdo, independente do seu segmento ou onde será publicado, é necessário saber definir estratégias, objetivos e métricas. Assim, o planejamento do marketing de conteúdo consiste no momento em que se coloca sobre a mesa todos os resultados que uma empresa deseja obter, procurando definir, também, quais são os caminhos que serão traçados para alcançar esses resultados e quais serão as formas de mensuração do progresso feito.

Seguindo essa lógica, o primeiro passo a ser dado é a definição da persona da empresa.

Uma persona nada mais é do que o perfil fictício que representa aquilo que se considera como sendo o cliente ideal de uma certa empresa. Ou seja, é a elaboração de um personagem que possui grandes chances de consumir de uma organização, levando em consideração aspectos profundos de comportamento.

Para exemplificar esse assunto, pode-se pensar na persona de uma empresa que vende mesa de aço inox:Maria, 55 anos. Trabalha como professora de artes em uma escola pública. Um dos seus principais hobbies é fazer pinturas em telas. Durante o tempo livre, Maria gosta de assistir à programas de televisão que dão dicas de decoração”.

 

 2) A execução

Após definir todas as outras questões que precisam ser colocadas no papel a respeito do planejamento (além da definição da persona), é necessário pôr as mãos na massa. Uma empresa deve ter sempre em mente tudo o que foi decidido durante a etapa de planejamento, mantendo sempre uma frequência na produção e na distribuição de conteúdo. Só assim, metas podem ser atingidas tendo em vista o objetivo final.

Nesse sentido, durante a produção do conteúdo, existem várias questões que precisam ser levadas em consideração:

  • A escolha da palavras-chave;
  • A formatação do texto;
  • A facilidade de leitura;
  • A revisão;
  • O tamanho;
  • O formato;
  • Entre outros itens. 

Pensar detalhadamente sobre esses aspectos colabora para a entrega de valor de um conteúdo ao leitor, além de melhorar as técnicas de SEO de uma empresa.

Estas se resumem no conjunto de ações que podem ser utilizadas para melhorar a maneira como o site de uma organização aparece no momento em que alguém realiza uma pesquisa em uma ferramenta de busca.

 Desse  modo, as empresas de manutenção industrial, por exemplo, que investem na elaboração de conteúdos bem formatados, com qualidade e utilizando palavras-chave do setor industrial, possuem mais chances de aparecer entre os primeiros resultados quando um usuário pesquisa por “manutenção industrial” no Google.

 

3) A mensuração

Após ter planejado e executado adequadamente a sua estratégia de marketing de conteúdo, uma empresa precisa realizar a mensuração dos seus resultados para descobrir quais ações estão funcionando e quais não estão. Só assim, é possível fazer correções na estratégia usada.

É nesse momento que uma das maiores vantagens do marketing digital surge, essa área do marketing permite que praticamente todas as ações do meio digital possam ser mensuradas em tempo real.

Além disso, uma empresa é capaz de rastrear todos os passos que um visitante dá dentro de um site, permitindo que as organizações consigam planejar melhor o seu marketing de conteúdo. 

Visando isso, uma empresa de paisagismo, por exemplo, pode perceber que as suas postagens sobre orquídeas que foram compartilhadas em plataformas online estão causando um efeito maior nos usuários das redes sociais do que no blog oficial da empresa.

 

 O resultado do marketing de conteúdo

Depois que uma empresa termina de elaborar, executar e analisar a sua estratégia de marketing de conteúdo, existem vários benefícios sobre os quais ela fica exposta.

O primeiro deles é o aumento considerável no tráfego do site. Segundo dados da Content Trends, quase 87% das pessoas usam o Google como uma forma de obter informações. 

Isso demonstra que a produção de conteúdo por parte de uma empresa produtora de embalagem de polietileno, por exemplo, é uma ferramenta capaz de oferecer maior visibilidade para este negócio. Assim, ao compartilhar textos mostrando as vantagens das embalagens de polietileno em relação a outros materiais, essa empresa consegue mais que dobrar o tráfego de pessoas dentro do seu site.

Além disso, algo essencial para empresas que estão iniciando no mercado é a educação do mercado. Essa ação pode ser muito bem desenvolvida por uma estratégia de marketing de conteúdo, já que os conteúdos são formas de responder às dúvidas que os consumidores podem vir a ter.

Os conteúdos podem mostrar ao usuário tudo aquilo que ele precisa saber antes de tomar uma decisão de compra. Dessa forma, uma startup que monta cobertura em estrutura metálica de maneira sustentável, por exemplo, pode desenvolver textos explicando como que a montagem dela é feita de modo a ser considerada sustentável.

 

Outro detalhe importante é que a produção de conteúdo reduz o Custo de Aquisição de Clientes (CAC). Isso justifica-se pelo fato de que boa parte das empresas da atualidade fazem uso de propaganda e de anúncios como uma forma de atrair clientes.

 Por outro lado, o marketing de conteúdo serve tanto como um conteúdo informacional quanto publicitário. Dessa maneira, uma empresa que desenvolve projeto de iluminação pública, por exemplo, consegue demonstrar a qualidade do seu trabalho através da elaboração de um texto de qualidade sobre a importância da iluminação pública.

  Os conteúdos são uma maneira de atrair o cliente dentro de um mundo digital em que muitas pessoas estão falando sobre muitas coisas. Portanto, para que uma empresa que faz aluguel de sofá para festa, por exemplo, consiga se destacar dentro desse mar de informações, é importante saber convencer, através dos conteúdos, os usuários a acreditarem na qualidade do seu serviço perante os concorrentes.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.