(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

A produção de conteúdo é a estratégia mais comentada e bem sucedida do marketing digital. Nenhuma empresa que quer se posicionar bem na internet e ampliar as suas vendas pode ficar inerte ao marketing de conteúdo. Muita gente tem dúvida se essa é a melhor forma de chamar a atenção e buscar fidelizar os seus clientes. O que é legítimo é que essa estratégia tem gerado excelentes resultados para muitas empresas.

Depois de decidir se a produção de conteúdo será a principal ferramenta de prospecção de clientes, outra dúvida surge na cabeça do empreendedor: o que funciona mais, produzir internamente ou terceirizar a produção de conteúdo para uma agência ou freelancer?  Para te ajudar a solucionar esse empasse, nosso post blog de hoje vai falar sobre a terceirização da produção de conteúdo e te dará dicas para tomar a sua decisão.

producao-de-conteudo-marketing-de-conteudo

Foto: Reprodução

O que é o marketing de conteúdo?

O marketing de conteúdo é uma estratégia desenvolvida para estabelecer um relacionamento com o público que não seja o da venda direta. Antes, o marketing entendia que era necessário convencer o cliente de que o produto era perfeito para suprir a sua necessidade, no conhecido Outbound Marketing.

Com a criação do Inbound Marketing, o foco mudou e o marketing começou a se debruçar sob as necessidades do cliente, a fim de atraí-lo, encantá-lo e gerar valor para ele antes da venda. O conteúdo entra como uma ferramenta interessante para dar dicas, informar e entreter o cliente, oferecendo informação antes da oferta. Essa definição é importante para entender porque essa estratégia ajuda a criar a autoridade da marca através da produção de conteúdo.

 

E porque terceirizar o conteúdo da minha empresa?

Em uma pesquisa feita pela Content Marketing Institute, dos Estados Unidos, foi apontado que cerca de 72% das grandes empresas e 33% das pequenas empresas americanas terceirizam parte da produção de conteúdo da sua estratégia de marketing digital para uma agência. E porque isso acontece? Vamos entender!

Primeiro não exclua a produção de conteúdo interna da sua empresa. Uma agência tem condições de trabalhar em busca do texto perfeito, aquele que terá uma excelente colocação na avaliação de SEO do Google. Essa otimização do conteúdo faz muita diferença e ajuda a tornar o seu blog e site mais relevante diante de milhares de páginas da internet. Quer aprender mais sobre? Então clique aqui!

Mas as necessidades do cliente? Os argumentos que são necessários no processo de convencimento do seu público? E as características do seu produto que devem ser ressaltadas? Quem são os casos de sucesso assertivos para promover a sua marca? Mesmo com um briefing bem elaborado, repleto de informações, ainda existirão situações em que a sua equipe interna de vendas terá maior controle da situação.

 

Funil de vendas e a produção de conteúdo

No processo de decisão pela terceirização da produção do seu conteúdo, é importante entender o processo de venda da sua empresa. Ele será determinante para definir se a terceirização deve acontecer.

Independente da produção de conteúdo ser interna ou externa é importante ter descrito e claro quem ficará responsável por planejar o que vai ser veiculado e de que forma isso será feito. Deve se definir também o que é interessante para o público que está no topo, meio e final do funil de vendas. Esse detalhamento de pautas e conteúdos é será fundamental para garantir a efetividade de cada postagem feita. Se não existe uma curadoria do conteúdo veiculado, a chance dele não ser efetivo e não converter o lead para outro estágio no funil é alta. Para entender melhor, definimos que tipo de conteúdo é interessante para cada um dos estágios do funil:

Topo do funil: Fazem parte desse tipo de conteúdo produções que querem promover a descoberta, o interesse e atração dos leitores. Aqui é preciso prender a atenção do usuário e pensar em conteúdos interativos e que gerem valor ele. Muitos internautas estão fazendo seu primeiro acesso à sua página, site ou blog. Por isso é importante que eles encontrem coisas que os façam voltar. Invista em um layout responsivo (ideal para mobile), trabalhe bem as palavras-chave do seu texto e pense em conteúdo que gere interesse. Para entender melhor sobre quais fatores ajudam a tornar o seu site ainda mais atraente, clique aqui.

Meio de funil: Depois de despertar o interesse, chega a hora de construir um problema para o seu leitor, agora considerado lead. Como assim um problema? Todos os leads têm necessidades que precisam ser sanadas para que vejam valor na marca e convertam em compradores. Por isso, investir em textos que justifiquem a contratação de um determinado serviço ou produto é a chave para nutrir os leads que estão no meio do funil. Esse tipo de conteúdo fala de um determinado problema e como solucionar esse empasse. Ainda não é o momento para apresentar o seu produto, já que agora a ideal é mostrar para o leitor que você é um especialista no assunto. O valor ainda é o objetivo, e não a venda ainda.

Final de funil: Aqui é o momento certo para investir em um marketing pessoal. O lead que está no final de funil procura concorrentes, planos e condições de pagamento porque entende que ele precisa da solução que você apresenta. Fale da sua empresa, dos seus produtos e serviços e qual o diferencial que eles oferecem. As chances de conversão em vendas através da produção de conteúdo direcionada aumentam muito.

producao-de-conteudo-funil-de-vendas

E se eu decidir terceirizar?

Se a sua decisão for terceirizar o seu conteúdo, procure uma agência que tenha experiência com a produção de conteúdo. Essa escolha assertiva vai garantir a qualidade do que é a matéria-prima do marketing digital. A E-Dialog, por exemplo, foi premiada recentemente pela produção de conteúdo interno e que gerou aumento no nosso faturamento. Quer entender melhor? Clique aqui.

Outras dicas importantes são:

– Separe que tipo de conteúdo será terceirizado para a agência e o que ficará a cargo da sua equipe produzir.  São boas opções de produção de conteúdo interno os casos de sucesso, notícias da área do seu negócio e artigos especializados,

– Incentive e valorize a produção interna. Sua equipe de vendas tem conhecimentos a respeito do seu produto e serviço que a agência não conseguirá conquistar. Procure equilibrar e investir nos dois tipos de produção de conteúdo, a externa e a interna.

 

Quer saber mais sobre produção de conteúdo? Leia outros textos do blog:

– Conheça o calendário editorial de conteúdo

– Por que conteúdo faz diferença?