(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

Hoje, 30 de setembro, chega ao final mais um ícone de uma era na internet. O fim do Orkut simboliza, de certa forma, o fim definitivo da adolescência de milhões de usuários da rede. Apesar de, provavelmente, já terem migrado para outras redes há anos, o Orkut ainda era mantido por algumas pessoas e as comunidades ainda tinham algum movimento. Nada que justificasse, na visão de seu mantenedor, o Google, a sobrevivência da primeira rede social de muitos de nós. O Google resolveu encerrar a rede, mas ela não será esquecido. O fim do Orkut leva a rede ao “cemitério” virtual onde estão outros ícones de épocas, agora, distantes: o antigo ICQ, o MSN e vários outros.

Criado em 24 de janeiro de 2004, o Orkut tinha como alvo inicial o público americano, mas acabou seduzindo milhões de brasileiros e indianos, que respondiam pelo maior número de usuários da rede. O Brasil chegou a ter mais de 30 milhões de pessoas cadastradas e respondeu por metade dos perfis do mundo inteiro.

Marcando época

O Orkut foi o epicentro de uma série de polêmicas que marcaram também a linha do tempo dos direitos na internet. Discussões acerca de pirataria (comunidades destinadas exclusivamente ao download ilegal de filmes, séries e músicas), racismo e liberdade de expressão foram disparadas pela rede e ela marcou, inclusive, uma maior vigilância dos crimes virtuais por casos de pedofilia e brigas de torcidas organizadas, que combinavam encontros nas comunidades da rede social.

E agora?

Com o fim do Orkut dez anos após seu lançamento, o Google não vai esquecer de vez do que introduziu muitos dos internautas ao mundo das redes sociais. Muita gente ainda usava o Orkut – 7% dos internautas brasileiros. Entre os usuários da internet no Brasil, 49% ainda não tinha deletado suas contas.

As comunidades funcionarão como um arquivo público e poderão ser revisitadas sempre. Quem entrar na página do Orkut a partir de hoje, vai se deparar com o arquivo de comunidades e uma central de ajuda. Nela, é possível apagar seus comentários do arquivo ou denunciar alguma coisa que lhe incomode.

Fim do Orkut 1

E meus depoimentos, scraps, fotos…?!              

Para alívio dos que ainda não tinham deletado o perfil da rede, o fim do Orkut não significa a perda irreparável de tudo o que você tinha. Scraps, depoimentos e fotos ainda poderão ser resgatados até setembro de 2016 através de um backup que poderá ser feito pelo Google Takeout. Um museu de nossas vidas, dos nós de alguns anos atrás, e a experiência de poder revisitar isso deve ser muito curiosa.

Fim do Orkut 2

Com dez anos de vida, o Orkut se despede. Um nostálgico adeus a um velho amigo virtual, mas que talvez já fosse necessária. Já fazia muito tempo que não conversávamos, mas, com certeza, ainda consideramos o Orkut PAKAS.

Confira um divertido vídeo produzido pelos gaúchos do Zero Hora aqui.