(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

O LinkedIn ainda é uma rede misteriosa para muitos usuários brasileiros. A E-Dialog já falou neste texto sobre o potencial de crescimento dessa rede social, que foi criada para criar conexões entre empresários e empresas, ser uma facilitadora de networking. O LinkedIn, mesmo já sendo conhecido por muita gente, permanece não muito explorado pelo público. O blog da E-Dialog vai listar 9 dicas para usar no LinkedIn que podem ajudar você e sua empresa a colher resultados dessa plataforma.

LEIA MAIS: Crescimento do LinkedIn é comprovado por verba publicitária

Facebook ou LinkedIn? O que a E-Dialog recomenda para Marketing Digital B2B?

#1 Use updates patrocinados

Atualizações patrocinadas são uma maneira interessante de promover seu conteúdo para influenciadores e líderes tomadores de decisão no LinkedIn. Dessa forma, esses updates te ajudam a adquirir credibilidade em sua área de atuação para usuários da rede e aumenta sua exposição para quem não está conectado a você ainda.

01 dicas para usar no linkedin

#2 Adicione conteúdo visual ao seu perfil no LinkedIn

Se fôssemos listar as regras da internet, talvez a principal seja “a internet é visual”. Todo conteúdo deve ter apelo visual, mesmo em uma rede social mais formal como o LinkedIn. Uma das melhores dicas para usar no LinkedIn é aproveitar a ferramenta de Portfólio da rede para adicionar fotos, vídeos, artigos linkados a imagens, infográficos, slideshares, enfim… qualquer conteúdo visual.

Mesmo com essa possibilidade, pouca gente aproveita o LinkedIn nesse sentido. A imagem abaixo é um exemplo de como explorar o conteúdo visual na sua página.

02 dicas para usar no linkedin

#3 Você sabe o que é networking de influência?

É muito importante que você passe tempo no LinkedIn construindo relacionamentos reais com suas conexões, sejam elas pessoas físicas ou empresas. Valorize essas conexões, interagindo de forma mais profunda, vale a pena se esforçar nisso.

Com o tempo, seu conteúdo será muito melhor recebido por essas pessoas/empresas. Ao invés de promover sua página para suas conexões, você pode fazer isso com elas. Isso é o que se chama de networking de influência.

#4 Ofereça conteúdo que agrega em grupos de discussão

O marketing de conteúdo pede que os profissionais ofereçam soluções e opiniões que agregam valor a uma discussão através de um conteúdo de qualidade. O objetivo é estabelecer uma relação de confiança com clientes em potencial. Quando ele precisar, o cliente se lembrará que sua empresa/você sabe a solução para determinado problema.

Como fazer isso? Em grupos de discussão do LinkedIn, uma ótima maneira de também cumprir a dica nº 3.

#5 Otimize seu perfil pessoal

Há muitas maneiras de aumentar de aumentar o tráfego e o número de leads pelo LinkedIn. Você pode obter resultados consistentes construindo um perfil pessoal otimizado com palavras-chave relacionadas, mídia variada e rica com vídeos, apresentações, documentos e mais.

#6 Marque suas conexões em posts

Uma das melhores dicas para usar no LinkedIn é a de marcar (ou taggear, como quiser) suas conexões em posts que você fizer. Isso garante que eles vejam o que você está postando. Mesmo que seu perfil não tenha sido visitado por algum deles em algum tempo, eles receberão um e-mail com a notificação de que eles foram marcados.

#7 Foque em pequenos grupos de discussão locais

O conceito de marketing de conteúdo está aí, não é segredo nenhum. Isso pode fazer com que seu conteúdo, por melhor que ele possa ser, muitas vezes se perca em um mar de materiais produzidos com a mesma finalidade. Como resolver esse problema?

Uma forma de se destacar é concentrar seus esforços em grupos de discussão locais, pequenos, próximos à sua área de atuação, ao invés de mirar grupos muito grandes.

#8 Desenvolva seus contatos ao invés de apenas se conectar

Escolha alguns contatos entre os seus que você desejaria conhecer melhor e interaja diretamente com eles a partir do seu perfil pessoal. Compartilhe informações, faça perguntas e aprenda mais sobre eles.

O mesmo pode ser feito com a página da sua empresa também. Veja quem está compartilhando seu conteúdo e visitando sua página. Isso cria uma via dupla de compartilhamento, colaboração, conversas e, eventualmente, compras e vendas.

#9 Não trate o LinkedIn como uma versão online do seu currículo

Talvez a principal entre as dicas para usar no LinkedIn que listamos aqui é esta! Ao invés de copiar seu currículo no LinkedIn, encare a rede social como um encontro com seu cliente. Saiba expor suas especialidades, qualidades e diferenciais. Seja mais orgânico, visual, ofereça algumas iscas de conteúdo que vão fazer os clientes chegarem até você.

Curtiu as dicas do blog? Desejaria completar? Fique à vontade!

Traduzido e adaptado do Social Media Examiner.

Leia mais no blog da E-Dialog:

Novidade no Facebook: nova ferramenta para compartilhamento de links

5 dicas para patrocinar posts

Os 10 erros gramaticais mais comuns nas redes sociais