(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie)
Loading...

Obama em 2008: um case de marketing político nas redes sociais

No blog do Fernando Rodrigues, saiu a notícia de que, nos EUA, 82% dos vencedores nas urnas têm mais fãs no Facebook que seus adversários. E no Brasil, como foi a relação entre eleitos para os principais cargos executivos do pais e o sucesso nas redes sociais (Twitter e Facebook)? Confira uma análise do desempenho na web 2.0 dos principais candidatos a governador e à Presidência do Brasil em 2010.

Nesta análise, utilizaremos como base candidatos a governador e à Presidência da República. Para governador, serão comparados os dois principais concorrentes nos cinco Estados mais populosos do país.

Abaixo, uma comparação entre número de fãs na Página oficial no Facebook (ou Perfil) e de seguidores do Twitter, com dados de 10 de novembro de 2010. Em negrito, os “vencedores” nas redes sociais.

Presidência- Facebook/Twitter – Porcentagem dos Votos válidos (2º turno)

Dilma (PT) – 26.704 fãs/ 328.265 seguidores – 56,05%

Serra (PSDB) – 37.662 fãs/ 567.935 seguidores – 43,95%

Governador Minas Gerais – Facebook/Twitter – Porcentagem dos Votos válidos (1º turno)

Antônio Anastasia (PSDB) – 3002 fãs/ 10.467 seguidores – 62,72%

Hélio Costa (PMDB) – 759 amigos (não possui fan page oficial) / 3.189 seguidores – 34,18%

Governador Rio de Janeiro – Facebook/Twitter – Porcentagem dos Votos válidos (1º turno)

Sérgio Cabral (PMDB) – 4.416 amigos/ 8.717 seguidores – 66,08%

Fernando Gabeira (PV) – 5.905 fãs/ 58.718 seguidores – 20,68%

Governador Rio Grande do Sul – Facebook/Twitter – Porcentagem dos Votos válidos (1º turno)

Tarso Genro (PT) – 872 fãs e 4.882 amigos/ 15.117 seguidores54,35%

Fogaça (PMDB) – 1.070 fãs/ 1.104 seguidores – 24,74%

Governador São Paulo – Facebook/Twitter – Porcentagem dos Votos válidos (1º turno)

Geraldo Alckmin (PSDB) – 10.607 fãs/ 44.530 seguidores – 50,63%

Aloizio Mercadante (PT) – 4.961 amigos (não tem fan page oficial) / 48.512 seguidores35,23%

Governador Bahia

Jaques Wagner (PT) – 658 fãs/ 4.700 seguidores – 63,18%

Paulo Souto (DEM) – sem página oficial ou perfil/ 227 seguidores – 16,09%

Nos cinco Estados e na disputa pela Presidência, apenas dois candidatos (Jaques Wagner e Antônio Anastasia) foram vencedores nas urnas e nas redes sociais, em termos quantitativos.

Apesar de ter sido a eleição brasileira mais marcada pela participação da Internet, os números das redes sociais não são tão fiéis aos das urnas, como no caso dos Estados Unidos.

E por qual razão você acredita que isso aconteceu?

Obs.: durante a pesquisa, percebemos que poucas candidaturas integraram as contas de redes sociais. Algumas são oficiais mas aparentam estar desvinculadas das restantes – o que dificulta a transferência de seguidores/fãs.