(11) 2391-2275 - (21) 2391-7727 - (31) 2595-0730 - (32) 3026-2640 - Whatsapp: (11) 97352-2675 digital@edialog.com.br
1 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 5 (1 votos, média: 5,00 de 5, avaliações)
Loading...

 

Você já parou para pensar que o buscar do Youtube também merece a atenção das métricas de SEO? Isso mesmo, o sistema de busca dele é similar ao do Google e a implementação de SEO para Youtube vai impactar seus números. Quando se produz um vídeo o objetivo é que ele seja assistido, assim como tudo que é postado na Internet. O SEO para Youtube pode contribuir para levar o seu conteúdo para o SERP (Search Engine Results Page) do site. Que saber como? Continue na leitura, reunimos todas as informações que precisa sobre o tema.

 

Antes mesmo de subir o vídeo 

 

Antes de gravar o vídeo é interessante fazer a busca por palavras-chave e ver, dentro do seu nicho, o que as pessoas têm buscado. Para fazer isso pode usar meios tradicionais de buscador. A nossa sugestão aqui é o VidIQ

Mas, é interessante também pensar na busca já voltada para o conteúdo em audiovisual na plataforma. Você pode procurar as palavras-chaves usadas por concorrentes no próprio Youtube. Para isso, clique com o botão direito do mouse do título do vídeo e vá em “exibir código fonte da página”. No Crtl + F busque keyworlds e terá as respostas que deseja. 

Passo 1:

SEO para Youtube

Passo 2:

SEO para o Youtube

 

Além disso, na plataforma as pessoas vão em busca muitas vezes de tutoriais, para “saber como fazer tal coisa”. Integre essas palavras no seu título, pois farão a diferença no ranqueamento do conteúdo. 

 

No Youtube

 

O título é o que prende a atenção do público, diferencia o seu conteúdo de tantos outros e ainda é o responsável por fazer o seu vídeo ser encontrado quando o usuário busca uma resposta ou a solução para a sua dor na Internet. Por isso, faça um que seja atrativo, que exponha a ideia principal do tema que será abordado e, claro, contenha a palavra-chave. É importante ainda que seja curto, o ideal é que fique entre 40 e 55 caracteres.

Na E-Dialog nós fazemos SEO para Youtube para o Método de Estudos. Conheça o case clicando aqui

Atenção às tags 

Através delas você tem a oportunidade de veicular outras palavras-chaves que sejam relevantes para o seu canal e para a temática tratada no vídeo que vão contribuir para ranquear bem seu conteúdo. Aqui é importante também colocar como tag a palavra-chave do seu vídeo.

Pelas tags, o Youtube vai sugerir o seu vídeo aos usuários que estão navegando pelo site e procurando conteúdos relacionados com o seu nicho.  Pode usar entre 3 ou 4, esse número já é suficiente. 

 

Descrição

A descrição também é uma forma de melhorar seu conteúdo para o SEO, mas sobretudo informar os usuários. É possível fazer extensas descrições de vídeo (até 5 mil caracteres). No entanto, apenas 150 caracteres são exibidos nos resultados de pesquisa. Então, precisa se concentrar neles para passar a ideia principal do vídeo. A prioridade é trabalhar a palavra-chave logo no início dessa pílula de informação. 

Você também pode querer ler: 8 dicas para melhorar seu canal no Youtube

Personalize a thumbnail

Ao postar o vídeo, o próprio Youtube sugere um frame do conteúdo para ser a “capa” estática que vai aparecer para o usuário. É interessante personalizá-la. Você pode colocar uma pergunta chamativa ou o próprio título do vídeo em caracteres. A capa atraente é um diferencial para o usuário clicar ou não no seu conteúdo. Então, capriche!  Aqui vale lembrar de colocar a parte escrita do lado esquerdo da tela para facilitar a leitura das pessoas que navegam em dispositivos móveis. 

 

Nem só de SEO se sustenta um conteúdo online

A partir de todas essas dicas certamente você vai conseguir melhorar a indexação do seu conteúdo no Youtube. Mas isso não é tudo. O mais importante é a forma e o conteúdo do material audiovisual. Não tem usuário que aguente ficar horas olhando para uma mesma imagem, principalmente se a qualidade de gravação e de captação do áudio não for boa. 

Pense em fazer vídeos curtos, 10 minutos já é considerado um tempo muito extenso para se assistir na Internet. Vale também caprichar da edição. A partir dela consegue dar dinamicidade com inserção de imagens e elementos gráficos que acrescente e ajude a exemplificar o que está sendo dito. 

Caso ainda não seja um craque da edição pode optar por fazer vídeos ainda mais curtos e, sempre tendo atenção à qualidade da imagem. Mas, sobretudo, do áudio. Esse último é um elemento determinante para alguém assistir a um vídeo. Muitas vezes as pessoas nem assistem realmente olhando em uma tela, mas sempre estão ouvindo para apreender aquela informação. Por isso, capriche nessa captação

 

Letícia Fernandes

Texto escrito por Letícia Fernandes, Produtora de Conteúdo na E-Dialog

Estudante de Jornalismo da UFJF. É apaixonada por viagens, livros, filmes de romance e cachorro quente!